O QUE É A STÉVIA?

   A STÉVIA é uma planta Milenar, utilizada pela tribo dos Guaranis (Paraguai e Brasil) devidos às suas propriedades medicinais e adoçantes.
As folhas da Stévia contêm vários glicosídeos não calóricos sendo os principais: o steviosídeo e o rebaudiosídeo A.
As folhas são altamente nutritivas contendo vários nutrientes (sais minerais, vitaminas). Depois de purificadas, possuem um poder adoçante muito superior ao seu equivalente em açúcar (cerca de 300 vezes mais).
   É uma nova forma de adoçar! É um edulcorante 100% vegetal com zero Calorias.
 
   O Rebaudiosídeo A é formado por 3 glicoses ligadas a uma molécula complexa. Ele é extraído das folhas da Stévia para formar um edulcorante.

Princípios Activos

  Glicosídeos, esteviosídeo (5 a 10%), rebaudiosídeo (2 a 4%), dulcosídeo, óleo essencial e taninos.
 
   O que faz a Stévia ser tão atraente como adoçante, é que vários estudos demonstram que o corpo humano não digere, nem metaboliza o glicosídeo. Ele não se modifica no trato gastrointestinal e não é assimilado.
Assim, se obtêm calorias e o índice glicémico é próximo de zero. Logo é ideal para os diabéticos, visto não ser assimilada pelo corpo humano. Também é ideal para pessoas com dietas restritivas porque não tem calorias.
   A nível da preparação culinária mantém-se estável a 180º.

Em suma, a Stévia possui várias propriedades terapêuticas sendo indicada:

- Na Diabetes e desconforto digestivo;
- Hipertensão;
- É diurética;
- Permite controlar o peso e apetite.

   Contrariamente a outros edulcorantes, não foram relatos efeitos secundários.
 
   
 
   
     

   Siga-nos no Facebook

STEVIA LUSA 2012
Site optimizado para a resolução de 1024x768 | Para os browsers: Internet Explorer | Mozzilla Firefox | Chrome | Safari | Opera | iOS | Android